(Vídeo) Dor na Mama – Mastalgia

Clique no Play logo abaixo para assistir o vídeo.

Hoje vou falar pra vocês sobre um tema que é bastante comum no consultório de Mastologia que é a dor na mama, ou nas duas mamas. Na maior parte das vezes, esse sintoma não está relacionado com o Câncer de mama, e as pessoas vêm apreensivas achando que pode ter alguma coisa a ver com um Câncer de mama.

Mas, o que que acontece: esse sintoma, na verdade, tem um nome, que se chama Mastalgia, e é muito comum em pacientes jovens, que têm as mamas bastante densas, ou seja, com bastante glândula mamária, e aí essas pacientes sentem essa dor principalmente na região lateral da mama e na região mais próxima ao bico do peito.

Normalmente a gente pede um exame de rotina, uma ultrassonografia, por exemplo, se a paciente for mais jovem; se ela tiver mais de 40 anos a gente associa uma mamografia, e aí a gente estuda se a paciente tem alguma alteração, se ela tem algum nódulo, se ela tem algum cisto, mas, normalmente, essas coisas não estão relacionadas à dor na mama.

Vendo que não tem nenhuma doença na mama que a pessoa se preocupe, o que a gente passa a fazer é explicar pra paciente porque que acontece a dor na mama.

A mama é que nem o útero, ela tem receptores hormonais. Nós não achamos estranho nós termos cólica todos os meses. Mas, dor na mama, nos faz ter medo de Câncer de mama. Mas a gente tem que pensar na mama igual ao útero: a mama também tem receptores hormonais, e esses receptores hormonais, na época anterior à menstruação, proporcionam mais sensibilidade à dor. Você pode sentir sensação de agulhada, ou uma sensação de queimadura, ou então como se estivessem repuxando alguma coisa.

O que devemos fazer para tratar esse tipo de sintoma é usar um sutiã que tenha uma boa sustentação, e a gente faz algumas medicações, como, por exemplo, um analgésico, como Dipirona e Paracetamol, ou um anti-inflamatório, e algumas vezes também faz um gel tópico (anti-inflamatório em gel), que é um gel que a gente passa sobre a mama para diminuir a sensibilidade e a dor.

Dor na mama é um sintoma extremamente comum, não é pra preocupar as pessoas, vale fazer uma consulta com o mastologista até pra pessoa ter uma explicação (do sintoma), investigar a mama, mas não costuma se relacionar a Câncer.

Dra. Paula Pestana
Médica Mastologista

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no twitter
Twitter

Deixe um comentário